Rugas de Expressão

Você deve saber o que são rugas de expressão e entende como elas se manifestam no rosto. Porém, saiba agora como funcionam os tratamentos e a prevenção.

As rugas são inevitáveis. Com o passar do tempo, mudanças estruturais vão acontecendo em nosso corpo fazendo então com que essas marcas apareçam de forma cada vez mais definida.

As rugas incomodam a maioria das pessoas e, justamente por haver uma infinidade de tratamentos e produtos ditos “milagrosos”, pode ser difícil então diferenciar o que pode funcionar do que vai ser pouco efetivo.

Sendo assim, trouxemos hoje um artigo explicativo para que você possa saber tudo a respeito das rugas de expressão, além de conhecer em detalhes alguns dos tratamentos e procedimentos mais utilizados. Fique até o fim e entenda tudo sobre rugas de expressão.

O que são rugas de expressão?

Nossa pele tem em sua estrutura algumas substâncias que colaboram para sua elasticidade e sustentação, são 2 proteínas chamadas de colágeno e elastina. Essas substâncias fazem com que a pele tenha a aparência jovem e de tonicidade.
Com o passar do tempo, a pele vai gradativamente perdendo essas substâncias. Com essa deficiência crescente, as rugas começam a aparecer.
As principais substâncias presentes em nossa pele e que vão sendo perdidas com o tempo são:

  • Ácido hialurônico, que tem capacidade de atrair água. Fica entre as células da pele;
  • Elastina, que garante a sustentação do tecido;
  • Colágeno, que confere a elasticidade e firmeza da pele.

As rugas de expressão especificamente são aquelas formadas pela perda dessas substâncias combinadas com a marcação deixada no rosto por expressões repetitivas, como:

  • Franzir a testa;
  • Apertar os olhos;
  • Movimentos do pescoço.

Quais são os tipos de rugas?

As rugas podem então ser de dois tipos:

  • Dinâmicas;
  • Estáticas.

As dinâmicas são justamente as primeiras que vão surgindo no rosto, mesmo de pessoas mais jovens. Elas somente são visíveis quando a pessoa efetua certos movimentos com o rosto, como franzir a testa. Ao deixar o rosto em repouso, essas rugas voltam então a desaparecer.

Já no caso das rugas estáticas, essas marcas ficam visíveis a todo momento. Nesse caso, o aparecimento é mais comum em pessoas com mais idade ou as que têm expressões mais fortes. Também é importante frisar que as rugas estáticas têm, portanto, maior profundidade, tornando-as mais fáceis de enxergar.

Alguns exemplos de rugas que incomodam muito:

  • Bigode chinês;
  • Linhas acima dos lábios;
  • Pés de galinha.

Causas principais das rugas de expressão

Todos nós sabemos que, por conta do progressivo envelhecimento da pele e da perda de colágeno e outras substâncias, vamos ficando cada vez mais suscetíveis às rugas. Mas outros hábitos e situações também têm o poder de aumentar a incidência delas ou mesmo deixá-las mais visíveis.
Os principais fatores que aceleram a formação das rugas são:

  • Tabagismo;
  • Exposição ao sol sem a proteção adequada;
  • Perda de colágeno;
  • Idade;
  • Falta de cuidados com a pele;
  • Poluição do ar.

Sabemos que a perda de colágeno, ácido hialurônico e elastina irão acontecer inevitavelmente. Mas mesmo assim, outros hábitos e situações acabam por fazer com que o processo de aparecimento de rugas acabe sendo acelerado.

Lembre-se de manter uma alimentação saudável e evitar sair ao sol sem utilizar um bom protetor solar.

É possível trabalhar diretamente na prevenção das rugas?

Não podemos impedir definitivamente a formação de rugas. Isso porque a perda de substâncias pela pele é inevitável e todos iremos passar por isso durante o processo natural de envelhecimento.
No entanto, como dito anteriormente, é possível sim criar hábitos e meios de se fazer com que as rugas demorem mais a aparecer ou mesmo que surjam a princípio de forma mais suave.

  • Use o protetor solar sempre que for sair de casa, mesmo nos dias de sol fraco;
  • Evite fumar;
  • Fuja de situações de estresse constante;
  • Use bons cremes hidratantes e produtos à base de vitamina C;
  • Consuma alimentos balanceados e opte sempre por ingerir frutas, verduras e legumes em suas refeições;
  • Busque orientação com o dermatologista a respeito de produtos com fator anti-idade para ajudar a prevenir as rugas precoces.
  • A realização precoce de alguns procedimentos pode retardar o processo de formação de rugas, como as aplicações de toxina botulínica e os preenchimentos com ácido hialurônico.

Quais os tipos de tratamentos não cirúrgicos e não invasivos para rugas?

Além dos fatores de prevenção, que incluem bons hábitos alimentares, não fumar, evitar exposição demasiada ao sol e outros que já citamos, alguns tratamentos específicos – e não cirúrgicos – podem ajudar muito a prevenir e amenizar as rugas de expressão já existentes.

O uso de dermocosméticos, embora não impeçam a formação de rugas, são importantes para manter a qualidade da pele e evitar o envelhecimento precoce.

Produtos que contenham as seguintes substâncias costumam ser muito efetivos:

  • Vitamina C;
  • Filtro solar;
  • Ácido glicólico;
  • Ácido hialurônico;
  • Retinol

Conversar com seu dermatologista é uma ótima forma de encontrar produtos que sejam próprios para você e para sua idade. Dessa forma, você terá a certeza de estar utilizando sempre os produtos mais efetivos para a redução das rugas de expressão.

Procedimentos específicos para amenizar rugas de expressão

Além dos cremes e produtos que você pode utilizar diariamente na sua rotina de cuidados e tratamentos com a pele, existem também procedimentos específicos, feitos com o médico dermatologista, que podem auxiliar, então, na redução das rugas de expressão.
Tratamentos como:

  • Aplicação de ácido hialurônico;
  • Toxina botulínica;
  • Fios de PDO
  • Peelings.

Por meio da aplicação desses tratamentos – e de outros que você também pode averiguar diretamente com o dermatologista – a redução de rugas é mais efetiva e duradoura, fazendo muita diferença principalmente em quem já tem rugas estáticas ou mesmo que quer amenizar as linhas finas que já aparecem com o movimento.

Os procedimentos deixam cicatrizes?

Não, os procedimentos não causam cicatrizes. O peeling pode provocar um efeito avermelhado na pele após um tempo de sua realização, graças ao produto utilizado ou mesmo por conta da fricção.

Nos casos de aplicação de botox ou ácido hialurônico, esse preenchimento é feito com agulhas finas, o que acaba por fazer com que não haja cicatrizes. Não são feitos cortes na pele, apenas leves furinhos com a agulha.

Portanto, você pode estar facilmente tratando suas rugas clinicamente, sem se preocupar com cortes, incisões e recuperações mais longas.

Qual o tempo de recuperação e como ela ocorre?

No caso dos peelings, pode variar. Os peelings químicos por exemplo podem ter um tempo de recuperação de até 15 dias; causa descamação na pele e aparência avermelhada. Sendo assim, é preciso evitar ao máximo a exposição solar até a liberação do dermatologista.

As aplicações de ácido hialurônico e de botox praticamente não causam desconfortos nem sintomas que requeiram recuperação, podendo assim a pessoa retornar no mesmo dia para suas atividades habituais.

Escolhendo um dermatologista

O primeiro passo para escolher um dermatologista é ver se o médico tem registro no Conselho Regional de Medicina. Isso é importante, dando a você a segurança que precisa para saber que o profissional escolhido é realmente capacitado para atendê-lo.

Consulte pacientes, depoimentos, busque informações com pessoas que já fizeram tratamentos. Sempre faça essas consultas antes de combinar tratamentos, valores e procedimentos médicos, para sua maior segurança e satisfação.

A consulta

A hora da consulta é muito importante, portanto, tenha atenção. Nesse momento, aproveite então para conhecer mais sobre o médico que irá realizar os procedimentos em você para reduzir as rugas de expressão. Então tire suas dúvidas a respeito de:

  • Valores;
  • Passo a passo dos procedimentos;
  • Riscos dos procedimentos;
  • Que tipo de preparo você precisa ter antes do procedimento;
  • Indicação do melhor tratamento para você.

Não esqueça de detalhar seus hábitos de vida e fazer todos os exames e avaliações que forem pedidas, a fim de garantir mais detalhes ao médico e conseguir os melhores resultados dos procedimentos que ele realizar com você.

Preço dos procedimentos

Diretamente na consulta com seu dermatologista você poderá então fazer o orçamento referente aos procedimentos para amenizar as rugas de expressão. Não busque informações sobre preços na internet, já que os valores variam de acordo com a região e, claro, de acordo com o caso.

Algumas pessoas poderão então precisar de tratamentos específicos que podem encarecer o pacote, e o contrário também acontece. Portanto, seu médico é a única pessoa indicada para fornecer preços e valores atualizados para você.

Quais são os resultados dos procedimentos contra rugas de expressão?

Os resultados dos procedimentos podem variar de acordo com a profundidade de suas rugas de expressão e também, claro, do procedimento escolhido para tratar esse problema. Em alguns tratamentos, os resultados começam a aparecer de forma mais rápida e duram um bom tempo.

No caso da aplicação de botox, por exemplo, os efeitos benéficos da substância surgem de forma mais visível e natural aproximadamente entre três dias e uma semana. Sua duração pode então chegar a até cinco meses.

Converse com seu médico e busque detalhes a respeito do procedimento realizado e seus resultados.

Riscos envolvidos nos procedimentos

Todo procedimento apresenta riscos, mesmo que poucos. No caso dos peelings, pode então ocorrer irritação da pele, vermelhidão e edemas. Já quem passa por aplicação de botox, há riscos de paralisia de músculos da face não desejados, por conta de falta de habilidade profissional na aplicação, má orientação do paciente ou mesmo efeito não natural.
Quando o procedimento é realizado por um profissional capacitado e com experiência, os riscos, portanto, sempre são reduzidos.

Perguntas e respostas

Gostou de saber mais sobre as rugas de expressão? Vamos então responder algumas questões que podem ajudar a sanar o restante das suas dúvidas antes de marcar a sua consulta.

Por que o tabagismo contribui para o aparecimento das rugas?

Além de ser um hábito nada saudável, o cigarro contribui para a redução gradativa da produção de colágeno pelo corpo, além de comprometer, portanto, a circulação sanguínea.

Por que as pessoas negras têm menos rugas?

A melanina, que é encontrada em grandes quantidades na pele morena e negra, protege  a pele de forma mais efetiva contra a radiação proveniente dos raios solares, consequentemente, há menor degradação de colágeno.
Agora que você já sabe um pouco mais sobre as rugas de expressão, marque então sua consulta hoje mesmo e faça uma avaliação para escolher o melhor tratamento.

 

Fale com a Médica!

Estou agora no WhatsApp, envie sua mensagem.

whatsApp Estou Online, Fale Comigo