Radiofrequência pulsada com multiagulhas

Radiofrequência pulsada com multiagulhas: conheça essa importante técnica dermatológica

As rugas, bolsas e envelhecimento na região dos olhos incomoda muitas pessoas. Aí entra a técnica de radiofrequência pulsada com multiagulhas.
Essa técnica dermatológica faz toda a diferença na hora de obter uma pele do rosto rejuvenescida e com viço, o objetivo maior de muitas pessoas que estão sempre preocupadas com a beleza e com o bem estar.

A dermatologia avança cada vez mais, propiciando então a todos soluções práticas e cada vez menos invasivas para ter uma melhor aparência e retardar os efeitos da idade. Essa técnica é, portanto, mais uma dessas soluções que revolucionam o meio estético.

Hoje, vamos então conhecer mais sobre a radiofrequência pulsada com multiagulhas, como essa técnica é realizada, o que você pode esperar dos resultados e diversas outras informações importantes que você deve ter em mente.

O que é a radiofrequência pulsada com multiagulhas?

A radiofrequência pulsada com multiagulhas é uma técnica dermatológica minimamente invasiva que utiliza uma combinação de energia fracionada, eletrodos e agulhas de tungstênio, de modo a então atuar efetivamente na derme.

Para que serve?

A técnica serve para destruir o colágeno ruim e desorganizado que existe na camada da derme do paciente e estimular os fibroblastos a produzirem um colágeno novo, de qualidade, mais organizado, o que terá consequências positivas para muitos problemas de pele. A radiofrequência pulsada atua bem em:

  • Tratamento de estrias;
  • Cicatrizes de acne;
  • Bolsas nas pálpebras;
  • Rejuvenescimento da área dos olhos;
  • Flacidez na região das pálpebras e no lóbulo da orelha.

Quando considerar esse tratamento?

Pessoas que possuem flacidez de pálpebras, o que gera com frequência rugas abaixo dos olhos que não conseguem ser tratadas com toxina botulínica. também são ótimos candidatos para a radiofrequência pulsada com multiagulhas os pacientes que apresentam rugas profundas, cicatrizes de acne do tipo distróficas e estrias.

No entanto, lembre-se, esse é um procedimento de exclusividade médica, por ser minimamente invasivo e exige técnica de um profissional treinado. O seu dermatologista avaliará seu caso para indicar se essa seria ou não a melhor opção para você.

Candidatos ao tratamento

Muitas pessoas buscam o tratamento com a radiofrequência pulsada pela sua praticidade e também pelo fato de não ser muito invasivo. Como dito, as pessoas que possuem problemas ligados à flacidez e bolsas na região dos olhos são os mais interessados em buscar o tratamento Ele é uma ótima opção, por exemplo, para as pessoas que não querem optar pela cirurgia plástica das pálpebras ou que o seu grau de flacidez ainda não tem indicação do procedimento cirúrgico. A radiofrequência terá um tempo de recuperação muito melhor e um custo mais acessível que a cirurgia plástica.
No entanto, algumas pessoas podem ter restrições. As gestantes e pessoas que possuem pele negra não devem se submeter a esse tipo de tratamento. Fique atento e converse com seu médico.

Tipos de radiofrequência

A radiofrequência pulsada serve para diversos tipos de tratamentos. Tanto funciona bem – por meio das multiagulhas – na dermatologia, quanto também costuma ser utilizada para melhorar vários tipos de dores crônicas nos pacientes.

A radiofrequência pulsada com multiagulhas deixa cicatrizes?

Não. O procedimento com radiofrequência não deixa cicatrizes e marcas no rosto. Aliás, o seu objetivo principal é realmente retirar pequenas marcas e rugas. No entanto, o tratamento deixa sim alguns edemas e hematomas por alguns dias, mas que naturalmente irão desaparecer durante o processo de recuperação.

Radiofrequência pulsada com multiagulhas x outras técnicas

Existem diversos tipos de técnicas dermatológicas para trazer melhora de vários aspectos relacionados ao envelhecimento, cicatrizes, olheiras e estrias, no entanto, é preciso ter em mente que apenas o dermatologista saberá definir exatamente qual é o melhor tratamento para o seu caso. A RFPM pode evitar uma cirurgia plástica, por exemplo.

Agende sua consulta, procure explicar o que exatamente te incomoda e trace, junto com o médico, rotas para que se possa então chegar ao resultado desejado por você.

Escolhendo um dermatologista

É muito importante que você escolha um médico experiente e registrado no Conselho Regional de Medicina para cuidar do seu caso. Por meio desse dado importante você tem então a certeza de que está lidando com um profissional qualificado para atuar na área da saúde e que pode realmente lhe fornecer soluções.

Para fazer a radiofrequência pulsada com total segurança e mínimos riscos, você precisa estar nas mãos de um profissional especialista nesta área.

A consulta

A consulta é uma hora muito importante para qualquer pessoa que pretende fazer tratamentos faciais ou dermatológicos em geral. Isso porque ela é o momento ideal para que você possa tirar dúvidas e fazer perguntas a respeito de opções de tratamentos, o que melhor funciona para você, dentre outros.
Use o momento da consulta para saber sobre:

  • Valores;
  • Especialização do médico escolhido;
  • Técnicas diferentes;
  • Recuperação;
  • Cuidados;
  • Medicamentos;
  • Número de sessões necessárias.

Aproveite sempre a consulta para esclarecer quaisquer pontos obscuros que ainda existam sobre o seu tratamento.

Preço dos procedimentos

Todos os tipos de procedimentos médicos e dermatológicos são sempre orçados diretamente com o médico que é responsável pelo seu caso. Após uma detalhada avaliação e levando em conta sempre o seu histórico de saúde e familiar, o dermatologista irá então saber qual a melhor técnica para você e qual a duração dos tratamentos.

Sendo assim, o orçamento feito para uma pessoa nunca será igual ao que é feito para outra. Os valores também podem variar entre as regiões do Brasil. A média de preço da RFPM para a área dos olhos, por exemplo, é em torno de R$ 3.000.

Cuidados antes do procedimento

O ideal é que você fale com o seu dermatologista para saber quais as recomendações você deve seguir antes de passar pelo tratamento com radiofrequência pulsada com multiagulhas.

De forma geral, o ideal é que você evite se bronzear ou fazer outros tipos de tratamento mais agressivos na pele antes desse procedimento. Siga, portanto, sempre as orientações do médico para garantir que os resultados sejam seguros e os melhores possíveis.

Como é feita a radiofrequência pulsada com multiagulhas?

A técnica é realizada por meio de eletrodos com multiagulhas de tungstênio, que alcançam até a camada mais profunda da pele. Por ser um pouco invasivo, é necessário que se faça uma anestesia local a fim de garantir o maior conforto para o paciente.
Por meio do estímulo provocado pelas multiagulhas, a produção de colágeno e elastina é então aumentada, fazendo com que se reduza a flacidez na região tratada.

Como é o pós-imediato do tratamento de radiofrequência pulsada com multiagulhas?

Apesar de ser um tratamento pouco invasivo, que não requer nenhum tipo de incisão ou corte e nem mesmo precisa de cuidados intensos após a realização da técnica, a radiofrequência pulsada com multiagulhas gera leve edema no local e pequenos hematomas na área em que foi tratada.
De qualquer modo, não é necessário que o paciente fique internado em hospital ou clínica, já que se trata de um procedimento bastante simplificado. O importante então é que se siga sempre as orientações do dermatologista, para ter uma recuperação adequada.

Recuperação

A recuperação do tratamento é tranquila. No entanto, podem surgir marcas e edemas na pele, bem como uma hiperpigmentação momentânea. É esperado que esses hematomas sumam em até 7 dias após a realização da radiofrequência.
Algumas recomendações para uma recuperação plena e segura são:

  • Evitar o sol por pelo menos 7 dias;
  • Não utilizar esponjas na pele;
  • Evitar totalmente os produtos esfoliantes após o procedimento;
  • Usar filtro solar a cada duas horas.

Podem haver outras recomendações específicas para o seu caso, portanto, não se esqueça de informar-se com o seu dermatologista, e seguir sempre à risca tudo o que ele pedir.

Resultados

Os resultados do tratamento com radiofrequência pulsada com multiagulhas começa a aparecer em média 1 mês após a feitura da técnica.  Após esse período, será então possível observar mais facilmente a melhora na flacidez, nas estrias e nas rugas na região dos olhos.

Lembre-se que para poder alcançar todos os resultados que você pretende, é preciso seguir o que o médico pedir e, se necessário, utilizar as  medicações e cremes que podem ser aplicáveis para o seu caso. Além disso, o dermatologista pode achar necessário combinar esse tratamento com alguns outros, para maximizar os efeitos.

Riscos do procedimento de radiofrequência pulsada com multiagulhas

Caso não seja realizado por um dermatologista, esse tipo de tratamento pode provocar edemas permanentes, hiperpigmentação da área tratada, além de diversos outros tipos de lesões e problemas que podem piorar ainda mais o quadro.

Ao escolher um médico, lembre-se sempre de verificar todos os dados e credenciais, minimizando assim os riscos de um procedimento como esse.

Perguntas e respostas

Mesmo com todas essas informações disponíveis, pode ser que você ainda esteja com dúvidas em relação ao tratamento com radiofrequência pulsada com multiagulhas. Sendo assim, decidimos separar algumas perguntas e respostas para ajudar você a saber mais sobre a técnica, antes mesmo de chegar a hora de sua consulta. Confira abaixo.

Quantas sessões de radiofrequência pulsada serão necessárias para ver os resultado?

Isso irá depender de cada caso e da região onde será aplicada. O médico então irá avaliar se essa é a melhor técnica para você, além de definir quantas sessões você precisará fazer. Em geral, o recomendado é que se façam 2 a 3 dessas, com intervalos de um mês entre cada uma. Mas isso não é uma regra e você pode precisar de mais ou menos sessões. Na área dos olhos, por exemplo, difilmente se realiza mais de uma sessão.

A aplicação é dolorosa?

O desconforto durante a aplicação é leve. Após a higienização da pele, é aplicada anestesia infiltrativa em toda a área que será tratada para melhor tranquilidade do paciente. Pode haver algum tipo de desconforto no pós imediato. Converse então com o dermatologista sobre como aliviar esses possíveis incômodos.

O envelhecimento e a flacidez facial preocupam muitas pessoas, principalmente após os 30 anos. Caso você queira começar a investir numa pele mais firme e com ótima elasticidade, marque então sua consulta e avaliação hoje mesmo e tire todas as suas dúvidas sobre a radiofrequência pulsada com multiagulhas.

 

Fale com a Médica!

Estou agora no WhatsApp, envie sua mensagem.

whatsApp Estou Online, Fale Comigo